Entenda mais sobre KPI: Key Performance Indicator

Em uma empresa é indispensável a mensuração dos resultados alcançados em um determinado período. Medir os números garante melhorias e investimentos futuros na produção da companhia. Os indicadores de desempenho de processos, KPIs, estão focados na maneira de realização das tarefas, envolvendo todos os colaboradores da empresa.

Como definir o KPI

Os gestores de uma empresa precisam entender todos os números conquistados para definir mudanças e melhorias no trabalho. Para determinar os indicadores deve-se escolher os objetivos principais e de maior relevância para mensurar. Existem alguns passos que indicam o caminho que deve ser percorrido na implementação dos KPIs, esses procedimentos visam solucionar as dúvidas na criação dos indicadores.

Primeiramente é preciso identificar todos os níveis da mensuração, após isso determinar as propostas dos KPIs.  Identificadas as propostas, é necessário apresentar os números para as partes interessadas e construir fórmulas para indicar as metas. É preciso direcionar responsáveis e estabelecer processos de captura dos dados. Com esses procedimentos é possível validar os indicadores e estabelecer metas, restando apenas a análise de dados e a divulgação dos resultados.

Tipos de indicadores

Existem alguns tipos de KPIs para determinar o desempenho de uma empresa. Veja como cada um deles funciona:

  • Indicador de eficiência: sua finalidade é a redução de custos mostrando os números obtidos e os recursos empregados;
  • Indicador de eficácia: mostra os números obtidos e os recursos empregados, visando o melhor resultado obtido e os seus lucros;
  • Indicador de capacidade de produção: relação entre a quantidade de produção e tempo necessário até que o processo seja finalizado;
  • Indicador de produtividade: é a associação entre os recursos utilizados para um determinado trabalho e as saídas executadas;
  • Indicador de qualidade:  mostra tudo o que foi produzido e o que será totalmente adequado para o consumo;
  • Indicador de lucratividade: é a relação percentual entre as vendas totais e o lucro obtido;
  • Indicador de rentabilidade: diferenciando um pouco do anterior, indica a relação entre lucro e investimento feito na empresa;
  • Indicador de Competitividade: seu objetivo é mensurar a relação da empresa com seus concorrentes;
  • Indicador de efetividade: é a junção da eficácia com a eficiência;
  • Indicador de valor: indica a relação entre os valores percebidos quando se recebe algo e o valor real despendido.

Importância para as empresas

Conhecer os números gerados em uma empresa possibilita a antecipação na tomada de decisões. Com eles fica mais fácil acompanhar os processos de produção e identificar possíveis erros. Consequentemente os custos com reparação são menores, possibilitando que outras áreas ou novos produtos sejam beneficiados com os valores economizados.

Outro fator é a identificação dos processos para saber quais estão apresentando resultados positivos ou não. Criando a possibilidade de melhorias e mudanças antes de investir mais tempo e dinheiro neles. As formas de trabalho também são simplificadas.

Com os indicadores em mãos, os gestores conseguem determinar as tarefas aos setores responsáveis diretamente, minimizando que algo errado seja transferido para outros funcionários. Da mesma maneira, os colaboradores especializados poderão desenvolver as suas tarefas diretamente nos locais onde tem mais facilidade.

Os KPIs são importantes para qualquer tipo de empresa: pequenas, médias e grandes. Conhecer todas as possibilidades e suas aplicações ajudam no desenvolvimento e produção.

Key Performance Indicator é uma ótima ferramenta de mensuração dos resultados de uma empresa. Conheça outras estratégias como essas acompanhando o nosso blog! Deixe o seu comentário abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *